quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Fim da greve na SESMA depende da assinatura do prefeito no termo de acordo

O fim da greve dos médicos e dos profissionais da saúde da Secretaria Municipal de Saúde (SESMA) de Belém (PA), deflagrada na última quinta-feira, 2 de agosto, depende apenas de uma assinatura do prefeito da cidade, Duciomar Costa.

Após dois dias de negociação entre a prefeitura e os sindicatos das categorias, foi elaborado um documento com quinze pontos, que reivindicam melhorias imediatas nas unidades de saúde e a criação de uma mesa permanente de negociação para tratar da pauta financeira. O termo de acordo foi elaborado em conjunto com o chefe de gabinete do prefeito, Ozéas Junior, e aguarda aprovação. Uma reunião, agendada para às 15 horas desta quinta-feira (8) promete por fim à paralisação.

"Nós já aceitamos em assembleia os termos do documento e nos comprometemos a por fim a greve, caso o prefeito contemple nossas reivindicações," destacou o dirigente do Sindicato dos Médicos do Pará (Sindmepa), João Gouveia.

Um dos pontos de discordância era a exigência de que o município retirasse a ação judicial contra os trabalhadores. Para chegar a um acordo, os sindicatos se comprometeram a assinar uma cláusula em que garantem não iniciar nova greve, enquanto o atual acordo estiver em vigência.

Em entrevista à Rádio FENAM, João Gouveia falou sobre a expectativa do movimento de por fim à greve. Confira! 

Veja a íntegra do documento:

GREVE SERVIÇOS DE SAÚDE - TERMO DE ACORDO

Fonte: FENAM        

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

stats

redes

    

Blog do médico paraense Waldir Cardoso dedicado a discutir sobre saúde, política e cidadania. Seja bem vindo/a

Vídeos

Vídeos

Waldir e Saúde no Brasil vídeo

Vídeos

Arquivo

Arquivo

Busca

Busca
Tecnologia do Blogger.

Categorias

Categorias

Estatísticas

Estatísticas

Contador

Contador de visitas

clustrmaps